A equipe de preparação do Seminário da Juventude de Palmeira dos Índios se reuniu na sede da Cáritas Diocesana de Palmeira dos Índios, em Alagoas, para tratar dos preparativos e reflexões a serem abordados durante o evento. A reunião aconteceu no dia 22 de março, e na pauta constava uma série de reflexões baseadas na Campanha da Fraternidade 2013, que retoma o tema da Juventude, e se propõe a olhar a realidade dos jovens.

O Seminário da Juventude de Palmeira dos Índios está previsto para acontecer no dia 18 de maio, e tem como objetivo articular a Rede de Juventude e Políticas de Direitos para a defesa e promoção da vida dos jovens do município.

Na ocasião, a equipe de preparação do evento, provocada, principalmente pelo elevado índice de violência e vulnerabilidade social em que se encontra uma parcela significativa da juventude brasileira, com recorte especial para o estado de Alagoas, propõe focar o Seminário na realidade dos jovens de Palmeira dos índios.

A proposta é refletir sobre a política social voltada para a juventude do município. Além de promover o fortalecimento da rede local, bem como animar os jovens para a promoção da vida.

A equipe de preparação é composta por representantes de três entidades que desenvolvem ações com foco na juventude, entre elas, o Programa Infância, Adolescência e Juventude (PIAJ), da Cáritas Brasileira NE2, a Pastoral da Juventude no Meio Popular (PJMP), e a Rede de Educação Cidadã (RECID).

Por Jefferson Souza – Pedagogo, articulador do PIAJ e coordenador do Projeto Eco Vivência em Palmeira dos Índios.

Edição: Assessoria de Comunicação da Cáritas NE2

No related posts.