A Economia Popular Solidária é uma das principais linhas de atuação da Cáritas Brasileira que já apoiou mais de dez mil trabalhadores e trabalhadoras em situação de pobreza em todo o país na luta pela emancipação social e econômica de diversas comunidades.

O 2º Fórum Social e 2ª Feira Mundial de Economia Solidária, eventos que ocorrerão em Santa Maria (RS) em uma tradicional feira de Economia Solidária, reunirão, de 11 a 14 julho, mais de 200 mil pessoas.

Em 2013, a Feira de Santa Maria, como é conhecida popularmente, contará com as comemorações dos 30 anos de Economia Solidária da Rede Cáritas Brasileira, e dos 10 anos da Secretaria Nacional de Economia Solidária (SENAES), do Fórum Brasileiro de Economia Solidária (FBES), e da Rede de Educação Popular (RECID).

Na tarde do dia 13 de julho, sábado, um encontro reunirá agentes Cáritas em um ato de comemoração aos 30 anos de Economia Popular Solidária (EPS) da entidade. De acordo com Luiz Cláudio Mandela, assessor nacional da Cáritas Brasileira e coordenador geral do projeto dos Centros de Formação em Economia Solidária (CFES Nacional), o momento possibilitará o debate em torno da temática para reafirmar concepções e animar ainda mais a rede de EPS da Cáritas Brasileira. O encontro terá início às 14h30 no espaço autogestionário do 2º Fórum Social e 2ª Feira Mundial de Economia Solidária. A Rede Cáritas também estará com um stand durante todos os dias da feira.

Também na tarde do dia 13, a Cáritas Regional Rio Grande do Sul (Cáritas RS) irá promover o Seminário Internacional das Sementes Crioulas, que neste ano abordará o tema “Diversidade, Força e Projetos que Germinam”. Segundo a assessora de projetos da Cáritas RS, Eliane Pereira Brochet, será um momento de conhecer as experiências trazidas pelos diferentes países presentes, além de fortalecer as redes de sementes crioulas, inclusive a rede virtual que está sendo implantada.

O 2º Fórum Social, a 2ª Feira Mundial de Economia Solidária e a 20ª Feira Estadual do Cooperativismo (Feicoop) serão realizados no Centro de Referência de Economia Solidária Dom Ivo Lorscheiter, na Rua Heitor Campos, bairro Medianeira. Os eventos são promovidos pelo Projeto Esperança/Cooesperança, com apoio da Prefeitura de Santa Maria.

por Thays Puzzi, assessora de Comunicação da Cáritas Brasileira / Secretariado Nacional

 

No related posts.