Neste domingo, dia 29 de março, todas as comunidades celebram o Domingo de Ramos, fazendo memória à entrada de Jesus em Jerusalém. Nesta data, a Igreja no Brasil assume como gesto concreto da Campanha da Fraternidade a Coleta Nacional da Solidariedade.

Todas as doações são divididas entre o Fundo Diocesano de Solidariedade (FDS) e o Fundo Nacional de Solidariedade (FNS). Para o FDS ficam 60% dos recursos, que são destinados ao apoio de projetos sociais da própria comunidade diocesana. Os 40% restantes compõem o FNS, revertidos no fortalecimento da solidariedade entre as diferentes regiões do país.

Assumida em todo país, a Campanha da Fraternidade tornou-se expressão de comunhão, conversão e partilha. A coleta é realizada como um dos gestos concretos da Campanha e tem realizado um bem imenso na transformação da realidade nas vidas de centenas de pessoas nos seus 15 anos de existência.

Durante esses anos, 3 mil projetos da Cáritas Brasileira foram possíveis por meio do FNS. Só no último ano (2014), foram 148 projetos de formação (Eixo I), mais 71 projetos de mobilização (Eixo II) e, ainda, 107 projetos produtivos (Eixo III). Além de 2 projetos que são de formação e mobilização ao mesmo tempo. Ao todo, são 328 projetos em várias partes do país, onde foram aplicados R$ 6.270.098,41.

Ao percorrermos o itinerário da Campanha durante o tempo quaresmal e participarmos desse gesto concreto de partilha, possamos continuar seguindo Cristo, caminho, verdade e vida (Cf. Jo 14,6).

Participe da Coleta Nacional da Solidariedade e contribua para a promoção e o apoio a projetos apoiados em todo o país.

Assessoria de Comunicação da Cáritas Brasileira

 

No related posts.