O Regional Nordeste 2 da Cáritas Brasileira ganhou nova entidade-membro, no último sábado (13), com a criação da Cáritas Diocesana de Floresta, em Pernambuco. Para que a entidade fosse constituída, agentes de pastorais de diversas paróquias da região, sob a coordenação do bispo local, Dom Gabriel Marchesi, e do padre Luciano Aguiar, realizaram a primeira assembleia que analisou o estatuto institucional e definiu a nova diretoria.

Para falar da importância desse momento, Dom Gabriel citou o Evangelho de Lucas, que narra o encontro de Jesus com Levi e cobradores de impostos, como lição de acolhimento aos excluídos. “A nossa tarefa é de arrumar um banquete para que  todas as pessoas marginalizadas possam estar na presença de Jesus, integrados na família de Deus. Somos pessoas frágeis, mas podemos dividir a alegria de conviver com Jesus com tantas pessoas que estão precisando, e que, muitas vezes, não estão no centro de atenção do mundo, da sociedade, nem da nossa Igreja”, ressaltou.

Ainda, nesse sentido, o bispo falou sobre a responsabilidade da ação da organização para a comunidade. “A Cáritas deve nos despertar para viver bem essa nossa missão. Não seremos fieis a Deus se continuarmos, na vida das nossas comunidades, excluindo as pessoas ou não conseguindo atingir as que mais estão precisando. O Papa continuamente nos lembra de que temos que iniciar pelas periferias. Mas, mesmo crendo, temos visto o quanto é difícil fazer isso. Não estamos acostumados. Temos que reconhecer isso. Mas chegou a hora de mudar as coisas”, destacou.

Na ocasião, o diretor executivo da Cáritas Brasileira, Luiz Cláudio Mandela, apresentou o histórico, a estrutura e a ação da Rede, atualmente, formada por 192 organizações. “Todos nascemos marcados, encharcados de solidariedade. Infelizmente, a sociedade vai nos tirando essa motivação. E a missão que nos foi dada, aqui no Brasil, em 1956, é de organizar essa solidariedade, de fazer brotar, de animar a solidariedade que está viva, mas adormecida em algumas pessoas. E, desde o momento que fomos procurados pela diocese, sentimos essa disposição”, considerou. Mandela ainda recordou que, por esse motivo, de forma excepcional, a criação da Cáritas Diocesana de Floresta foi aprovada na XX Assembleia Nacional da Cáritas Brasileira, realizada em Brasília (DF), dos dias 12 a 15 de novembro de 2015.

O secretário do Regional NE2, Angelo Zanré, também salientou que essa criação tem um significado muito grande para a região e, sobretudo, para o Estado de Pernambuco. “Para quem está nessa caminhada, sabe o quanto é difícil criar uma entidade diocesana. Essa é a primeira entidade-membro do sertão pernambucano. E pode servir para estimular a iniciativa das outras quatro dioceses do Estado de criarem também. E, mais do que uma instituição, criarem uma cultura de solidariedade, de acolhimento aos mais necessitados”.

Estavam presentes ainda, na assembleia, membros do Conselho Gestor e colaboradores do Regional NE2 e da Associação Provida, instituição de ação social de atuação no município de Inajá (PE), além de representantes das Cáritas Diocesanas de Pesqueira (PE), Palmeira dos Índios e Penedo, ambas de Alagoas.

Aprovação do Estatuto

O conselheiro do Regional NE2, José Matias, e a agente Cáritas, Auxiliadora Gomes, fizeram a leitura do Estatuto que estabeleceu a criação da Cáritas Diocesana de Floresta. Após essa etapa, os participantes, foram consultados e aprovaram o documento. Agora, será providenciada a regulamentação da entidade, com a criação do regimento interno que detalhará o funcionamento.

 

Nova Diretoria

Também, na Assembleia, foi apresentada a diretoria da organização. Foram designados, como presidente, Silvana Lisboa; vice-presidente, Emílson Santos; assistente eclesiástico, Padre Luciano Aguiar; e, como conselheiros, representantes das paróquias da diocese.

Para Silvana Lisboa, a Cáritas Diocesana de Floresta deixou de ser um sonho e agora é realidade. “Agora, poderemos avançar em ações concretas que favoreçam o nosso povo. E, sobretudo, naquelas que possibilitem um melhor convívio com o semiárido, com a seca”, destacou a presidente.

Ação de Graças

O encontro encerrou com a Santa Missa, presidida por Dom Gabriel. Antes da benção final, foram entregues, pelo diretor executivo e pelo secretário regional, o certificado que a Cáritas Brasileira concedeu à diocese, confirmando a criação da nova entidade-membro, e o Novo Marco Regulatório da Cáritas Internationalis.

Por Wagner Cesário | Assessoria de Comunicação da Cáritas NE2.

 

No related posts.